Há quase 15 anos desenvolvendo atividades de plantio florestal e recuperação de áreas degradadas em grandes mineradoras, a GOS Florestal aprimorou sua expertise no desenvolvimento e execução de Projetos de Recuperação de Áreas Degradadas.

Nesses projetos, a empresa procura utilizar técnicas de bioengenharia que produzem resultados satisfatórios com custos menores quando comparado à utilização de técnicas da engenharia convencional.

No caso específico de recuperação de áreas degradadas por voçorocas, a empresa utiliza o terraceamento e construção de barraginhas a montante para conter e direcionar o fluxo de água superficial para então fazer o retaludamento das áreas se necessário. Feito isso, são utilizadas paliçadas, biorretentores de sedimentos, biomantas e semeadura de gramíneas e leguminosas nas áreas degradadas para promover sua recuperação com rapidez e baixo custo.

Em áreas de nascentes muito degradadas são utilizadas técnicas de construção em solo cimento que permitem restaurar áreas bastante antropizadas por ação do pisoteio de gado e erosão do solo